Páginas

sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Lendo Guerra e Paz #1 // Apresentação

Olá a todos!
Espero que se encontrem bem!

Um dos meus maiores problemas enquanto leitora é, muitas vezes, não me conseguir lembrar do conteúdo dos livros que li. Tenho uma péssima memória (fraquinha, fraquinha!) e tenho por isso, muitas vezes, dificuldade em lembrar-me do que li em alguns livros: partes da história, personagens, o final da história… Enfim!

Essa é uma das razões que me leva a escrever sobre livros, quer nas resenhas do blog, quer em caderninhos de anotação.

No entanto, existem livros que não se podem resumir a um breve comentário… Quer pela complexidade da história, pontos de vista referidos ou pela multiplicidade de emoções que nos provocam na leitura, existem livros que merecem uma opinião mais bem construída.

É por essa razão que pretendo iniciar, em posts, um diário de leitura de Guerra e Paz.
Iniciei a leitura deste livro no começo do ano, incentivada pelo projecto ‘Lendo Guerra e Paz’ promovido pela Tatiana Feltrin do blog e canal Tiny Little Things.

Devo referir que, em relação à Tatiana a minha leitura está um pouquinho atrasada, uma vez que apenas recebi o livro no início de Janeiro e o projecto começou no dia de Natal.
Além disso, enquanto a Tatiana se comprometeu a fazer vídeos semanais para este projecto, eu apenas me comprometo a fazer os posts… sempre que possível! Isto é, não vou ter um calendário pré-definido.

Breve nota sobre a obra

Escrita entre os anos de 1865 e 1869, a narrativa foi inicialmente publicada no Russkii Vestnik, um periódico da época, com o nome 1805, ano em que começa a história.

Contando com mais de 580 personagens – algumas históricas, outras ficcionadas – esta novela épica conta a história de cinco famílias durante invasão da Rússia pelas tropas Napoleónicas.

O enredo deste romance cobre toda a campanha de Napoleão na Áustria, a invasão da Rússia pelo exército francês, bem como a sua retirada, entre 1805 e 1820.

Além dos elementos das famílias aristocráticas principais, Tolstoi criou um retrato realista e incisivo da sociedade russa de inícios do século XIX, denunciando o preconceito e a hipocrisia da nobreza, ao lado da miséria dos soldados e servos.

Sobre a edição

Apesar de Tolstói ter escrito a maior parte do livro em russo, partes significativas dos diálogos foram escritas em francês, reflectindo bem a realidade russa, uma vez que, na época, toda a aristocracia russa do século XIX falava o francês e empregava a língua entre si em vez do russo.

Estou a ler a obra numa edição da Relógio D'Água, traduzida por António Pescada a partir do original russo sendo que nesta edição, os textos que no original se encontravam em francês (ou, menos comummente, em alemão) se mantêm, nesta tradução, em francês ou alemão, estando a tradução em nota de rodapé.

A obra vem dividida em dois volumes, cada um contendo dois Tomos, e perfazendo um total de 1328 páginas.

Para quem preferir, há também uma edição da Editorial Presença traduzida do russo por Nina Guerra e Filipe Guerra, dividida em 4 volumes, correspondendo cada um a um Tomo. Nesta edição também optaram por manter em francês o que no original se encontra nesse idioma, deixando a tradução em Nota de rodapé.

Por fim, existe ainda a edição da Saída de Emergência, dividida em dois volumes, na qual é feita a tradução total do texto para Português, não se distinguindo o que, no original estaria num idioma diferente. Esta opção foi decidida ‘com a intenção de proporcionar uma leitura mais cómoda’, deixando ‘apenas algumas frases ou palavras’ em francês.

Pessoalmente, e apesar de tornar a leitura mais demorada, prefiro as edições em que o texto em Francês se mantém em Francês, uma vez que demonstra melhor a intenção original do autor.

Sobre o ‘Diário de Leitura’

Como referi anteriormente, estes Diários de Leitura não terão uma periodicidade pré-definida, saindo os posts sempre que for possível.

Como é óbvio, os diários conterão spoilers, pelo que não recomendo a sua leitura a quem não quiser saber detalhes da história. Caso contrário, bem-vindos!

E foi isto!
E vocês? Já leram Guerra e Paz? Quem não leu, acompanha-me nesta aventura?

Não se esqueçam de deixar o vosso comentário!
Um grande Beijinho e até à próxima!


Não se esqueçam de acompanhar o blog nas Redes Sociais

Para ficarem a par das minhas leituras não se esqueçam de me acompanhar também no
Goodreads 

Onde adquirir?
Relógio D’Água: Volume I | Volume II
Editorial Presença: Volume I | Volume II | Volume III | Volume IV
Saída de Emergência: Volume I | Volume II